Porquê?

Crianças e cientistas têm em comum uma interminável vontade de perceber o porquê de tudo. Será isso estranho?


Para ver o artigo na íntegra, por favor efectue login.
Gazeta nº 183, pág. nº 39 | Categoria: Matemática e Literatura | Palavras-Chave:
Autor(es): Nuno Camarneiro |